Blog

15
dez

Parece besta esta dica mas, é muito útil e prática. Muitos usuários experientes preferem criar suas imagens .iso via terminal do que usar programas para isso. Eu mesmo utilizo constantemente este comando.

Comando:

dd if=/dev/cdrom of=/[LOCAL]/imagem.iso

Ex:

dd if=/dev/cdrom of=/home/rafael/isos/imagem.iso

Onde:

if=/dev/cdrom é a localização do seu drive de CD

of=/home/scorpion/isos/imagem.iso é o local onde será salva a imagem.iso.

Importante lembrar que esta imagem será gerada no local definido em of=/[local]/imagem.iso este local é definido pelo usuário. Se você não especificar o local onde será gerada a imagem, esta será gerada na pasta atual do terminal. Por exemplo, eu acesso a pasta Desktop pelo terminal (cd /Desktop/) e executo o comando. No final, o arquivo.iso estará salvo no meu Desktop portanto, é extremamente importante que você especifique antes onde está salvando a imagem.

Ao final o resultado exibido no terminal é idêntico a este:

[rafael@scorpion ~]$ dd if=/dev/cdrom of=/home/rafael/isos/imagem.iso
1462912+0 registros de entrada
1462912+0 registros de saída
749010944 bytes (749 MB) copiados, 274,03 s, 2,7 MB/s

Abraços e até a próxima dica!

Perfil de Rafael Botelho
Bacharel em Arquivologia pela Universidade Federal da Bahia tem experiência na área de Arquitetura da Informação, Gestão de Conteúdos, Gestão da Informação etc. atua principalmente nos seguintes temas: Arquitetura da Informação, Preservação Digital e Segurança da Informação.









 

 

 

 

 

 

Firefox